CannabiGold vai estar na Cannadouro 2018

A CannabiGold estará presente na Cannadouro 2018, Feira Internacional de Cânhamo do Porto. O evento decorre no fim de semana de 17 e 18 de Novembro, na Alfândega do Porto, após a primeira edição ter sido um sucesso, quer pela representação de empresas de outros países, quer pela afluência do público.

A TVI foi ao evento do ano passado e visitou também o espaço da CannabiGold, onde falou com Jacek Kramarz, um dos palestrantes convidados pela organização. Este ano, o espaço das Conferências continuará a ser fundamental para informação, elucidação e debate acerca do cânhamo, que é centro de atenções na Cannadouro em diversas frentes: medicinal (CBD e canábis medicinal), industrial e recreativa.

Um dos pontos interessantes de observar na primeira Cannadouro foi a diversidade do público, cujo leque aberto de faixas etárias deixou evidente que, apesar de existir preconceito quanto à canábis, independentemente da idade, as pessoas têm curiosidade em saber mais e muitas já diferenciam as questões medicinais das recreativas, olhando para o cânhamo e canábis de outra forma.

Dois pontos relativamente à canábis e às substâncias da planta são:

  • a falta de informação (por vezes, muito técnica e difícil de encontrar, outras vezes, ocultada dos grandes meios de informação)
  • a abertura em saber mais acerca dos benefícios da planta, muitos deles estudados há muito tempo (a Organização Mundial de Saúde refere a Epilepsia como um dos campos mais estudados)

Esta barreira entre os dois lados está patente no trabalho da RTP, acerca do qual falamos aqui.

A informação afasta o preconceito e iniciativas como a Cannadouro são oportunidades para o esclarecimento.

O espaço da CannabiGold terá à disposição os representantes em Portugal e responsáveis da própria marca, que se deslocarão da Polónia especificamente para o evento do Porto.

Dúvidas acerca do óleo com CBD, tipos de aplicação, problemas de saúde e interações medicamentosas são algumas das questões que esperamos este ano, à semelhança do que aconteceu o ano passado. Tal como em 2017, os visitantes podem esclarecer dúvidas com os responsáveis do nosso departamento técnico.