Pacientes à espera da lei: benefícios do CBD, da canábis medicinal e as dificuldades reais

0 Comments

O documentário “Pacientes, à espera da lei” mostra-nos exemplos concretos das dificuldades que muitos doentes ou familiares têm em encontrar soluções para graves problemas de saúde.

Realizado pela Cannativa, Associação de Estudos sobre Canábis, o documentário fala-nos de pessoas que recorreram a canabis medicinal, ou substâncias derivadas para efeitos medicinais, e das dificuldades em aceder à medicação com canabinóides.

Como podemos ver na apresentação (vídeo em baixo), alguns dos testemunhos referem a canabis medicinal ou o canabidiol (CBD) como fatores diferenciadores na melhoria da qualidade de vida. Profissionais de saúde como o Dr. Javier Pedraza Valiente afirmam também os benefícios da terapêutica com CBD, nomeadamente em casos de epilepsia infantil.

A opinião deste profissional vem ao encontro do que a Organização Mundial de Saúde (OMS) afirmou quanto aos avanços do canabidiol na epilepsia.

O preconceito sobre a planta canabis e as restrições legislativas têm levado a que o canabidiol seja confundido com uma substância ilegal, impedindo que muitas pessoas recorram a este canabinóide cujos resultados terapêuticos têm sido confirmados pela ciência. A OMS já declarou que o CBD é uma substância segura e com potencial terapêutico.

O documentário “Pacientes – À espera da lei” contribui para trazer ao conhecimento público o distanciamento entre a teoria da lei e as dificuldades reais no acesso a medicação, seja a chamada canabis medicinal, seja por intermédio do canabidiol (CBD), o composto que não tem efeitos psicoativos.