O CBD deve ser ajustado e adequado de forma personalizada, considerando todos os fatores que variam de pessoa para pessoa, desde medicação, stress, modo de vida, o tipo de doença, etc. Recomendamos aconselhamento por parte de profissionais de saúde capacitados.

Dor Crónica / Fibromialgia / Fadiga crónica / Dor neuropática / Espondilite Anquilosante

A investigação mostra que o CBD reduz a atividade do processo inflamatório, diminuindo e inibindo a produção de substâncias pró-inflamatórios no organismo.

Pelo seu efeito anti-inflamatório, o CBD é aplicável em quadros clínicos de dor crónica.

Toma aconselhada: 5mg, 4 x dia, ou conforme aconselhamento do seu técnico de saúde

Ansiedade / Depressão / Insónias / POC / Esquizofrenia

Nos casos de Depressão e de Ansiedade, existe uma redução significativa dos sintomas relacionados com estas condições, com efeitos antidepressivos quando se administra o canabidiol.

Pelo efeito ansiolítico, relaxante, anti-depressivo, anti-inflamatório e anti-psicótico, o CBD é aplicável em alterações do sistema nervoso.

Toma aconselhada: 5mg, 3 x dia, ou conforme aconselhamento do seu técnico de saúde

Doenças neurodegenerativas / Esclerose Múltipla / ELA / Parkinson / Alzheimer / Huntington / Demência vascular

O CBD tem propriedades antioxidantes e neuroprotetoras, benéficas na prevenção do envelhecimento celular cerebral, processo que pode despoletar doença de Alzheimer, Demência e perda de memória. O canabidiol apresenta forte ação neuroprotetora contra os radicais livres. Estudos científicos confirmam a importância de alimentar o sistema endocanabinóide nas terapêuticas de doenças neurodegenerativas.

Pelo efeito anti-oxidante, anti-inflamatório e neuroprotetor, o CBD é aplicável em doenças neurodegenerativas.

Toma aconselhada: 5mg, 4 x dia, ou conforme aconselhamento do seu técnico de saúde

Diabetes Tipo I

Ao reduzir a produção de substâncias pró-inflamatórias, o canabidiol leva a uma diminuição significativa nos mecanismos de inflamação do pâncreas. Em diversos testes verificou-se a redução da ativação linfocitária e melhoria da densidade capilar funcional. Isto resulta numa redução da inflamação e em melhorias na microcirculação.

Pelo efeito imunomodulador, o CBD é aplicável em Diabetes tipo I

Toma aconselhada: 5mg, 4 x dia, ou conforme aconselhamento do seu técnico de saúde

Cancro e efeitos secundário na quimioterapia

O CBD estimula processos programados de morte celular (apoptose) e inibe a proliferação de células anómalas em vários casos de cancro.  acções anti-proliferativa, anti-metastásica, anti angiogénica e de pró-apoptose em cancro do pulmão, cancro da mama e linfomas.

Pelos efeitos anti-tumoral, imunomodulador, anti-oxidante e anti-inflamatório, anti-espasmódico e anti-emético, o CBD é aplicável em casos de Cancro e nos efeitos secundários de quimioterapia (náuseas, vómitos, cansaço).

Toma aconselhada: 15mg, 3 x dia, ou conforme aconselhamento do seu técnico de saúde

Sistema Cardiovascular /Hipertensão Arterial / Prevenção e recuperação de AVC

Pelos efeitos anti-hipertensor, anti-oxidante e anti-inflamatório, o CBD é aplicável em Hipertensão Arterial e prevenção ou recuperação de AVC (acidente vascular cerebral) ou AIT (acidente isquémico transitório)

Toma aconselhada: 5mg, 3 x dia, ou conforme aconselhamento do seu técnico de saúde

Epilepsia

Pelo efeito anti-convulsivante e neuroprotetor, o CBD é aplicável em Epilepsia e síndromes epileptiformes (Lennox-Gastaut, Dravet).

Toma aconselhada: 5mg, 3 x dia, ou conforme aconselhamento do seu técnico de saúde

Colite / Colite Ulcerosa / Doença de Crohn

Pelo efeito anti-convulsivante e neuroprotetor, o CBD é aplicável em Epilepsia e síndromes epileptiformes (Lennox-Gastaut, Dravet)

Toma aconselhada: 5mg, 3 x dia, ou conforme aconselhamento do seu técnico de saúde

Artrite Reumatóide / Sindrome Sjogren / Psoríase / Lúpus / Tiroidite de Hashimoto / Doença de Graves / Miastenia Gravis

Pelo seu efeito imunomodulador e anti-inflamatório , o CBD é aplicável em doenças auto-imunes

Toma aconselhada: 5mg 4 x dia, ou conforme aconselhamento do seu técnico de saúde

Efeitos secundários frequentes: hipotensão agravada em pessoas hipotensas (tensão baixa)
Efeitos secundários raros: diarreia, perda de apetite

Em pessoas com alterações de aparelho digestivo (estômago, intestino, cólon), aconselha-se a toma sublingual como prioridade, mantendo as gotas na boca 30 a 60 segundos antes de engolir.

Com deglutição imediata, gotas ou outros líquidos, cápsulas ou outros sólidos, deve tomar-se o CBD junto de uma refeição com algum tipo de gordura.